Factos de Relevo

Empresa: BAE Systems
Localização: Farnborough, Norte de Hampshire
Sector: Aeroespacial & Defesa
Sítios Web:
www.baesystems.com
www.soton.ac.uk/business

Related Pages

“Para termos produtos competitivos e aptidões para os mercados globais do futuro temos de começar a investigar agora, com os melhores académicos.“
Professor John Murphy, Responsável pelas parcerias com Universidades, BAE Systems
BAE

Desenvolvimento de Novas Tecnologias em Hampshire – Colaboração Entre a BAE Systems e a Universidade de Southampton

Quando a empresa BAE Systems sedeada em Farnborough, tentava resolver diversos desafios, surgiu uma parceria entre a maior empresa do país no sector aeroespacial e a Universidade de Southampton, uma das 15 principais universidades de investigação do Reino Unido.

O programa Autonomous Learning Agents for Decentralised Data and Information Networks (ALADDIN) é um programa de investigação multidisciplinar de vários milhões de libras com o objectivo de resolver os desafios actuais e eminentes da recuperação em caso de incidentes graves (disaster recovery), em especial a recuperação e manutenção de dados e sistemas de informação descentralizados. O programa ALADDIN é um dos muitos programas que junta grupos académicos inovadores e lhes apresenta desafios industriais relevantes através da parceria estratégica entre a BAE Systems e a EPSRC, com o objectivo de realizar investigação do mais alto nível e optimizar as capa cidades industriais. O programa ALADDIN está a ser executado através da parceria Strategic Capability Partnership entre a Universidade de Southampton e a BAE Systems, sendo financiado pelos mesmos. O financiamento, desde o início do programa de cinco anos, teve início em Outubro de 2005 e contabilizou já 8,5 milhões de libras.

Foi desenvolvido um vasto número de tecnologias no âmbito desta abordagem académica/industrial à gestão da investigação e transferência de tecnologia, incluindo os seguintes:


Transferência de tecnologia 1: Fault Recovery in Sensor Fusion (Recuperação de falhas na Fusão de Sensores): o programa ALADDIN desenvolveu uma abordagem inédita ao tratamento de dados de sensores cuja fiabilidade não pode ser confirmada. A união de covariância generalizada facilita uma fusão de dados robusta e consistente mesmo em caso de falhas de leituras de sensores, e foi transferida para as Soluções Aéreas Militares da BAE Systems para utilização em plataformas aerotransportadas.

Transferência de tecnologia 2: Força Threat and evaluation and weapon assignment (Força TEWA): o programa ALADDIN desenvolveu mecanismos de coordenação descentralizados para aplicação a este problema, no qual vários navios de guerra têm de ser protegidos contra diversas ameaças num cenário dinâmico. Estas novas abordagens demonstraram, no âmbito do Sistema de Gestão de Combate CMS-1 da BAE Systems, proporcionar soluções mais vantajosas em menor tempo através de uma eficiência computacional optimizada.

Transferência de tecnologia 3: As abordagens de logística orientadas no mercado desenvolvidas no âmbito do programa ALADDIN estão a ser utilizadas pelas Tecnologias Integradas da BAE Systems (Insyte) para automatizar o desafio da logística militar de colocar o pessoal e abastecimentos no local correcto ao mesmo tempo e simultaneamente resolver questões como a segurança, dimensionamento e sobrevivência. O Professor John Murphy, Responsável pelas parcerias com Universidades, da BAE Systems, afirmou: “Para termos produtos competitivos e aptidões para os mercados globais do futuro temos de começar a investigar agora, com os melhores académicos.”